A Associação Portuguesa de Imprensa acaba de lançar uma nova campanha que visa alertar os leitores para a divulgação de notícias falsas que têm vindo a ser publicadas sobre a Covid-19 ser transmitida através do papel. A Organização Mundial de Saúde garantiu, desde logo, que tal transmissão não acontecia.

Assim, e sob o slogan “Jornais e revistas não transmitem vírus”, a campanha tem como objectivo combater informação falsa e assegurar todos os leitores de que podem comprar qualquer publicação em papel, com toda a segurança. Facto que já foi comprovado tanto pela Organização Mundial de Saúde como pela Direcção Geral da Saúde.

A nova campanha da Associação Portuguesa de Imprensa apela que os leitores “não deixem que lhe tapem os olhos” e realça a importância da comunicação social e de um jornalismo de qualidade, passando a mensagem de que “os jornais e revistas não transmitem o vírus. Combatem o vírus da desinformação”.

Logo em Março, a porta-voz da Organização Mundial de Saúde, Fadela Chaib, confirmou de que não havia provas de que o novo coronavírus se transmitia pelas revistas e jornais ou até pelas notas de dinheiro.